Varal de Poesias: Sempre Palavra


Amanhã a Fundação Cultural de Jacareí em conjunto com a Academia Jacareiense de Letras estará realizando, a partir das nove horas da manhã, e avançando pela tarde, no espaço cultural Pátio dos Trilhos uma feira de livros dos escritores jacareienses. Será estendido um Varal de Poesia, para que todos os que queiram participar e colorir o Inverno Cultural de letras, tenham essa oportunidade.
Publico aqui, dois poemas, de alguns que escolhi para expor no Varal (Ludmila)

Sempre palavra
I
Busco o poema
Lá onde o mar transborda
E o céu assoma
Ostentando já a lua
Refletida.
No olho da gaivota
O sol se deita
E a palavra nasce
Do silêncio
Assim…
Quase perfeita
Envolta pela areia
E pela espuma

II
Busco o poema
Ou ele é quem me espreita
Em meio à areia brilhante
Liquefeita
Como se fosse um verbo
A imantar-se
A transformar-se
Em som, palavra, grito
Vindo da sombra
Para o atrito
Em seu rumor eterno

(Ludmila saharovsky)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>