Rota das Missões – Santo Ângelo Custódio


Terminando nossa viagem pela Rota das Missões, paramos em Santo Ângelo Custódio, último assentamento dos jesuítas.
Santo Ângelo foi o último município dos Sete Povos das Missões a ser fundado, em 1706, pelo jesuíta Diogo de Haze, belga de nascimento. Mesmo com uma estrutura semelhante às demais reduções, o povo de Santo Ângelo prosperou muito economicamente, tornando-se, na época, o maior produtor de erva-mate e o mais rico. A derrocada do Sétimo Povo das Missões Orientais do Uruguai acontece pelas mesmas causas das outras seis reduções: o litígio formado com a demarcação estabelecida pelo Tratado de Madrid (1750) e suas consequências políticas.
Seus primeiros habitantes, descendentes de paulistas e imigrantes alemães, aproveitaram as pedras do antigo colégio e da Igreja Jesuítica para edificar suas casas e uma outra igreja no mesmo lugar da antiga, mas sem afetar o traçado urbanístico missioneiro.

Catedral Angelopolitana

A nova Catedral Angelopolitana está localizada no mesmo lugar da primitiva igreja missioneira de 1707. Seu estilo imita a catedral da Redução de São Miguel Arcanjo, com traços renascentistas e barrocos. A fronteira está encimada por imagens dos santos padroeiros dos Sete Povos: São Borja, São Nicolau, São Luiz Gonzaga, São João Batista, São Lourenço Mártir, São Miguel Arcanjo e Santo Ângelo Custódio (Santo Anjo da Guarda). No seu interior encontra-se uma imagem em madeira do Cristo Morto, de origem missioneira, em tamanho natural, datando de 1740. Ao seu redor está instalado o Museu a céu aberto, resguardando os achados nas escavações arqueológicas realizadas no local. Na praça encontra-se também o principal museu da cidade: Museu Municipal Dr. José Olavo Machado. O prédio onde está instalado o museu foi residência do último intendente e primeiro prefeito municipal, Dr. Ulisses Rodrigues e suas paredes foram construídas com as pedras retiradas da igreja original dos jesuítas, conforme podemos observar nas fotos

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    

    4 pensamentos sobre “Rota das Missões – Santo Ângelo Custódio

    1. Olá Ludmila, tudo bom ! É o Peter von Adamovich, marido da Nana do Manga com Pimenta ! Fico feliz em saber que visitou as missões, onde meu Avô Trabalhou projetando e construindo algumas obras em Pedra Grês.

      Tudo de bom pra ti !
      Abraço !

      • Peter…voltei apaixonada por seu avô! Que figura incrívelmente linda e que história: Reconstruir a igreja das Missões…Não acredito!
        Ia lhe escrever, quando retornei, pois reconheci o sobrenome, mas nunca, jamais pensei que pudesse ser seu avô! Mundo pequeno, este nosso!
        Você deve morrer de orgulho, e com razão! Beijos para você e pra Nana!

    2. Fiquei encantada com a primeira imagem em especial e fiz um vídeo tocando violão barroco, Villano de Gaspar Sanz. Posso publicar na internet esse vídeo amador com os devidos créditos pela tua linda fotografia ?

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>