Rota das Charqueadas

Hoje, fizemos a Rota das Charqueadas em Pelotas e conhecemos duas propriedades maravilhosas: a Charqueada Santa Rita (construída em 1826) e a Charqueada São João (construída em 1810).
Charqueada é o nome que se dá no Rio Grande do Sul, à área da propriedade rural em que era produzido o charque, utilizando para isso o trabalho dos escravos.
A consolidação dessas grandes propriedades rurais de caráter industrial, deu-se no século XIX, às margens dos arroios Pelotas, Santa Bárbara e canal São Gonçalo.
O gado, matéria-prima, era proveniente de toda a região da campanha rio-grandense e era fruto da multiplicação de exemplares trazidos pelos espanhóis para a Banda Oriental no início do século XVII.

A safra era sazonal e durava de novembro a abril. As charqueadas tinham em média 80 escravos, ocupados nos intervalos da safra em olarias nas próprias charqueadas, derrubadas de mato e plantações de milho, feijão e abóbora nas pequenas chácaras que cada charqueador possuía na Serra dos Tapes, onde ficam hoje a Cascata e as colônias de Pelotas.(Fonte Internet)

Hoje, A Rota das Charqueadas é opção de turismo. Além das visitas monitoradas às residências, pode-se fazer também um passeio pelas mansas águas do Arroio Pelotas, de onde se avistam as moradas que faziam parte do ciclo do charque.
O nome da cidade, Pelotas, originou-se das rústicas embarcações utilizadas pelos nativos na travessia dos rios, confeccionadas com o couro animal e quatro varas corticeiras. Essa embarcação, semelhante a uma cesta, ou a uma bola, possuía uma corda que era colocada feito cabresto, na boca dos escravos, que a conduziam a nado, pelo rio.

Charqueada Santa Rita

Esse rio maravilhoso, era conhecido no século XIX como Rio Vermelho, pois recebia todo o sangue do abate das toneladas de animais, das mais de 40 Charqueadas lá existentes.

Charqueada São João – Aqui foi filmada a série “A casa das Sete mulheres”

Foi um domingo e tanto! Espero que vocês também tenham aproveitado,virtualmente, o passeio. Abraços! (Ludmila)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    

    5 pensamentos sobre “Rota das Charqueadas

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>