Contos mínimos: Pólen


Sorriso amarelo, o daquela mulher estranha. Sorriso de pólen, de girassóis no campo, de crisântemos abertos ao sol das manhãs. Sorriso de laranjas maduras, de ameixas, de mangas suculentas que, sob o céu azul profundo do olhar, espantavam as tristezas do mundo. Somente ela, no entanto, não se apercebia…
(Ludmila Saharovsky)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    

    Um pensamento sobre “Contos mínimos: Pólen

    1. E viva todas as mulheres, com suas lembranças, seus sonhos, seus desejos, suas……
      E viva Ludmila! com seus contos mínimos que nos fazem sonhar…….

      bjs

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>