Cartões de Natal




Cartões de Natal…Eram tantos e tão bonitos!
A caixa de correio ficava lotada deles em dezembro.
Alguns os pregavam na parede, próximo à árvore, outros os deixavam empilhados sobre as mesas laterais na sala de estar, outros ainda os distribuíam por vários recantos da casa. Por intermédio deles, os amigos e os parentes distantes faziam-se presentes em nossa vida, abraçando-nos à distância e se colocando entre nós durante as festas de final de ano. Mudaram os costumes. Hoje, o correio eletrônico nos conecta virtualmente com o mundo, mas, do computador, os votos ficam menos pessoais, menos palpáveis!
Eu guardo num arquivo muitos cartões de Natal, recebidos nessas décadas de vida. Todo ano penso em me desfazer deles, mas, na hora H…cadê coragem? Outro dia, sentei-me com minha neta junto à arvore de Natal e ficamos horas, revendo-os, como às fotografias. Cada qual com sua mensagem particular de carinho, com seus desenhos elaborados, alguns, outros singelos, levou-me a uma viagem no tempo e na memória. Tantos amigos queridos que já se foram. Tantos amigos de vida inteira que continuam presentes! Tantos Natais felizes! Este ano resolvi que os quero a todos à minha volta, novamente. Não importa o tempo que passou…seu carinho me alimentou e alimenta. A vida é muito mais rica e feliz com o calor da amizade que também, a cada ano, se renova! Um beijo para todos vocês, meus queridos!(Ludmila)

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...
    

    2 pensamentos sobre “Cartões de Natal

    1. Bem dissem que não existe coencidencia, mais eu creio que exista sim, ontem eu e minha irmã estavamos falando exatamente sobre isto, e abrimos caixas de cartões de natal de 30 anos atraz que nosso pai recebia, para felicita toda a familia que delicia rever tudo aquilo, e resolvemos que este ano na noite de natal vamos fazer uma expossição de cartões e mostra aos nossos filhos como se deseja feliz natal, de uma maneira tão simplis e gostosa. Pesso a voce a autorização de reproduzir seu texto e mostra como outras pessoas penssao igual, se for possivel passe no meu blog e me autorize, realizandosaninha.blogspot.com
      Bjos e um feliz natal

    2. Olá Soninha! Fiquei feliz com sua visita e comentário! Não consegui acessar seu blog pelo endereço que deixou, por isso autorizo por aqui mesmo a reprodução de meu texto. Também não acredito em coincidências. O que acontece é que muitos têm saudades desses costumes natalinos que aos poucos vão sendo deixados para trás! Que idéia fantástica a sua, de expor os cartões de seu pai neste Natal. Viu quantas pessoas tinham o hábito de guardá-los com carinho? Dê uma espiadinha no blog da Jussara, que apresenta idéias muito boas de decoração com cartões de Natal. Um grande abraço e seja muito feliz!

    Deixe uma resposta

    O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *

    Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>